Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Outubro, 2017

Angústia

Angústia queimando meu peito
A rústica sensação de que não há jeito
Queimando o coração
Fazendo avesso o direito
Angustiando as horas

Todas as coisas e suas demoras
Tudo dói
Todos os sonhos, histórias, memórias
Tudo se foi
Ou vai
Ou fica

Angustia, augusta angústia!
Come minha vontade de viver
Come a saudade, faz esquecer
Que há um amanhã
Depois de hoje
Faz esquecer de que há um hoje
Devora a hora
Dói de agora em diante
Eterniza o sofrer no instante
Preenche o vazio
Esvazia ainda mais!

Faz-me rio sem mar
Faz-me templo sem paz
Profana-me!

Angústia: o sufoco.
Angústia: a falta de ar.
Angústia: pareço louco.
Angústia: dedos na jugular.

Angústia queima
Angústia revira

Angústia,
Por que vive em mim?

O Brasil que tem jeito*

Eu acredito no Brasil porque ainda acredito nas pessoas – cada um que deposite sua fé no que quiser, não é? Ainda tenho fé na humanidade. Dizer que não creio nela seria dizer que não creio em mim e, embora eu me duvide o tempo todo e mais do que a qualquer outra pessoa, luto para crer em mim mais do que creio no nada. O nada é o vazio no qual, vez ou outra, deposito minha alma; é o não-lugar; é a ausência. Eu acredito que o Brasil tenha jeito – jeito, raça, sotaque, molejo, arte, samba, voz que canta, voz que grita, corpo que dança... E creio no jeito que daremos a ele. Irônico dizer – e, por isso, eu digo – que a pátria amada deve perder seu jeito brasileiro que se revela no sorriso velhaco e na lei do mínimo esforço. Esse Brasil-brasileiro-primeiro, acabar-se-á em si mesmo: alimentar-se dos seus não é sustento: ninguém cresce devorando o próprio corpo, ninguém sobrevive assim – nem gente nem pátria. Logo, essa primeira Vera Cruz de abutres, de sanguessugas, de Planalto por debaixo …

Necessidades

Não basta estar vivo:
é preciso viver,
sentir, saber...
É preciso arriscar,
tremer, chorar,
sorrir, cantar.
É preciso sofrer
para ver como é superar a dor,
é preciso correr para os braços de quem for,
é preciso abraço,
é preciso amasso,
corpos conexos,
é preciso sexo,
é preciso amor!